CETRAD - Projeto

Associativismo migrante na Galiza. Laços transnacionais e codesenvolvimento a partir de uma perspectiva de género

Data Inicio: 2014-09-15 | Data Fim: 2015-11-30

Valor: 30000.00 €

Valor CETRAD: 0.00 €

Financiador: Dirección Xeral de Relacións Exteriores e coa EU, da Xunta de Galicia

Grupo de Investigação: Sociedade, Território, Recursos e Políticas

Linha de Investigação: Sociedade de Risco, Inclusão & Políticas Sociais

Coordenador Geral: Antía Pérez Caramés (UDC)

Coordenador CETRAD: Luzia Oca González

Membros Envolvidos:

Luzia Oca González ;

Parceiros:

Equipo de Sociología de las Migraciones Internacionales (ESOMI) ; ONGD Ecos do Sul ; UTAD - Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro ;

Documento: FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DO PROJETO


Descrição:

O projeto aborda a participação política da comunidade migrante residente na Galiza desde a perspetiva teórica do transnacionalismo, que se centra em analisar os vínculos que se estabelecem entre os países de origem e de destino das pessoas migrantes e, concretamente, estudaremos os processos de codesenvolvimento que têm lugar a raíz das estratégias transnacionais das associações de migrantes.

Também realizaremos uma análise da participação política das mulheres migrantes na Galiza, enfocando o nosso estudo no papel que as mulheres têm nas associações migrantes que promovem projetos de desenvolvimento, com o objetivo de desentranhar as características que convertem ás mulheres migrantes em agentes de desenvolvimento. A estes efeitos, realizaremos um estudo de caso comparado das entidades associativas de mulheres peruanas nos municípios de A Corunha e Burela e de mulheres cabo-verdianas em Burela.